A B c D E F G H

Merkel abre mão da presidência do seu partido e vai deixar governo no fim do mandato

Merkel abre mão da presidência do seu partido e vai deixar governo no fim do mandato
Nenhum comentário.
Mais cedo, ela tinha anunciado os correligionários, que não iria mais se candidatar à presidência do seu partido, o Partido Democrata Cristão (CDU)

A chanceler alemã, Angela Merkel, anunciou nesta segunda-feira (29) que deixará o cargo no fim do mandato, em 2021. Ela ocupa esse posto há 13 anos. Mais cedo, ela tinha anunciado aos correligionários, que não iria mais se candidatar à presidência do seu partido, o Partido Democrata Cristão (CDU).

Ela está à frente da CDU há 18 anos, mas sua liderança saiu enfraquecida depois do desastre na eleição regional em Hessen, onde o partido perdeu mais de 11 pontos percentuais em relação ao pleito anterior. O congresso nacional da legenda está previsto para acontecer em dezembro, em Hamburgo.

Entre os possíveis sucessores de Merkel à frente da CDU está o jurista Friedrich Merz, que entre 2000 e 2002 foi o líder da bancada conservadora no Bundestag (Parlamento alemão), de acordo com a Deutsche Welle.

A perda de eleitores é atribuída à insatisfação popular com a coalizão de governo da Alemanha, depois de meses de brigas políticas internas.

Votação em Hessen

No domingo (28), os eleitores de Hessen garantiram uma votação recorde para o Partido Verde no estado alemão, com 19,8% dos votos, o mesmo percentual do Partido Social-Democrata (SPD), que despencou 10,9 pontos percentuais. A CDU ficou à frente, com 27% dos votos, mas 11,3 pontos percentuais abaixo do resultado da eleição anterior, de 2013.

Apesar das perdas, a CDU deve se manter à frente do governo de Hessen, provavelmente numa repetição da atual coalizão, com o Partido Verde. Juntos, os dois partidos tem 69 assentos. Os demais partidos têm 68. Uma segunda opção seria incluir também o Partido Liberal (FDP) no governo para aumentar a vantagem. Os liberais, que obtiveram 7,5% dos votos, já sinalizaram disposição para entrar no governo, e os verdes também se mostraram receptivos a essa opção.

Alemanha Angela Merkel

Fonte:G1

TAGS

COMENTÁRIOS(0)

*Obs:Os comentários são de inteira reponsabilidade dos usuários, de acordo com os Termos de Uso.

ENCONTRE-NOS:+