Quase 100 jovens entre 20 e 29 anos morreram por Covid nos primeiros seis meses deste ano em MT

Quase 100 jovens entre 20 e 29 anos morreram por Covid nos primeiros seis meses deste ano em MT
Foram 98 óbitos registrados nesta faixa etária de janeiro a junho de 2021 no estado

Trabalhador abre cova em cemitério para paciente com Covid-19 TV Integração/Reprodução Em Mato Grosso, 94 jovens entre 20 e 29 anos morreram com Covid-19 nos primeiros seis meses deste ano.

Em julho, em três semanas, mais quatro pessoas morreram desta faixa etária.

Do início de julho até esta quarta-feira (21), 29 pessoas com idade até 39 anos morreram vítimas do coronavírus no estado.

Nessas três semanas foram duas mortes em menores de 19 anos, quatro óbitos em jovens entre 20 e 29 anos e 23 mortes em adultos entre 30 a 39 anos no estado.

Os dados são do Portal da Transparência pelos registros de óbitos feitos pelos Cartórios de Registro Civil dos estados.

A família tem até 24h após o falecimento para registrar o óbito em cartório que, por sua vez, tem até cinco dias para efetuar o registro de óbito, e depois até oito dias para enviar o ato feito à Central Nacional de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), que atualiza a plataforma de registros.

Segundo os dados do portal, que engloba apenas cidades com taxa de mortes acima de 50 registros, os meses mais críticos deste primeiro semestre para a população mais jovem foram março e abril, com 146 mortes em cada mês.

Os dados apontam que em março nove crianças e adolescentes entre 10 e 19 anos morreram vítimas da Covid-19.

Foram 22 óbitos na faixa etária entre 20 e 29 anos e 115 na faixa entre 30 e 39 anos.

O número é 534% maior que a taxa do início do ano.

Em janeiro, foram 23 mortes da população entre 10 e 39 anos.

Covid-19 em MT A SES notificou até esta terça-feira 476.

811 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 12.

529 óbitos em decorrência do coronavírus no estado.

Foram notificadas 1.

872 novos casos de Covid-19 e 21 mortes nas últimas 24 horas.

Dos 476.

811 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.

332 estão em isolamento domiciliar e 452.

424 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 407 internações em UTIs públicas e 281 em enfermarias públicas.

Isto é, a taxa de ocupação está em 72,42% para UTIs adulto e em 32% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (97.

555) Rondonópolis (33.

788) Várzea Grande (32.

016) Sinop (23.

009) Sorriso (16.

698) Tangará da Serra (16.

280) Lucas do Rio Verde (14.

339) Primavera do Leste (12.

368) Cáceres (10.

404) Barra do Garças (9.

300).

Hospitais ocupados Dos 26 hospitais públicos que possuem leitos de UTI para pacientes em estado grave com Covid-19, 13 estão com taxa de ocupação igual ou superior a 80%, conforme dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta terça-feira (20).

São eles: Hospital e Maternidade São Lucas (86,67%) Hospital e Pronto Socorro Municipal de Barra do Garças (88,89%) Hospital Municipal de Campo Verde (86,67%) Hospital Municipal de Querência (80%) Hospital Regional de Água Boa (100%) Hospital Regional de Peixoto de Azevedo (80%) Hospital Regional de Sinop (100%) Hospital Regional de Sorriso (100%) Hospital Regional de Nova Mutum (88,57%) Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde (90%) Hospital Universitário Júlio Muller (87,50%) Hospital Vale do Guaporé (80%) Santa Casa de Rondonópolis (95%)

Veja também: Vale registra R$ 40 bilhões de lucro líquido no 2º trimestre de 2021

CLIQUE AQUI e baixe nosso App Android.

Fonte: Central de Jornalismo

TAGS

COMENTÁRIOS

ENCONTRE-NOS:+